Pra quando ele chegar

A flor | Lisergia VerbalEncostei a porta da frente
Prendi o cachorro que foge
Afastei um pouco a cortina
Deixei espaço pra dança
Deixei a comida pronta
Por ele, livrei-me da rotina

Pra quando ele chegar
Quero o que há de simples
Talvez um pouco de estardalhaço
Quero um drama de Shakespeare
Quero o que me falta o nome
Pois não sobrou mais espaço

Pra quando ele chegar
Espaço não vai faltar

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s