O homem perfeito

Está provado! Nunca me dei bem com geminianos. Concordo que tenho bons amigos com este signo e que dê muita risada com eles, mas eles têm uma personalidade muito difícil da qual eu tenho repulsa. Vejo pelo meu irmão – 6 de junho – ele é café com leite. Embora tenha uma pessoa que muito me agrada em gêmeos. No entanto, isto não vem ao caso agora.

Um estereótipo que sempre me atraiu foi homem careca – careca mesmo, não os calvos – com olhos claros, semblante intelectual e descontraído, bem vestido e com dons artísticos. Agora veja: estava eu em São Paulo assistindo Brasil versus Chile em uma padaria, quando de repente olho para o lado, lá está o tal estereótipo. Pensei: “Por que não falar com ele?”

E o diálogo seguiu desta maneira:

Cal: Você vai ficar para o segundo tempo?
PH: Vou.
Cal: Então vou sentar com você.

Simples! Foi bem interessante. Sinceramente, eu senti que havia encontrado o cara perfeito, pelo menos em minha concepção de perfeição: careca, olhos claros, bem vestido, bom papo, dons artísticos para pintura e fotografia, provavelmente, sabe escolher um bom vinho e suas respectivas combinações. Gostei.

Aí vem o outro lado da história. O moço da padaria me chamou para sair três dias depois. Sabe a minha resposta? Não. Meu Deus! Ele era tão perfeitinho que até mesmo meu subconsciente teve determinada repulsa. Acabei de crer que a mulher é um ser estranho, apesar de gracioso.

Anúncios

4 comentários em “O homem perfeito

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s