O que é musgo?

Essa foi a pergunta que finalizou minha carreira estudantil.

Depois de revoltas contra o novo método de entrada para escola em que cagamos de medo da polícia aparecer e todos os menores de idade ter de ligar para os pais dando a magnífica notícia: “Pai, você não pode vir me buscar? Não, não estou na escola, estou na… na delegacia.” Mas o buraco continuou mais embaixo, óbvio! Nos fizeram entrar para a escola de cabeças baixas e ainda balbuciaram: “Olha, até a filha do Venâncio.” Oh!!! 5,6m x 5,6m de sala de reunião e 70 alunos alí, jogados como os judeus nas valas de Aushwitz. E mesmo naquele marasmo conseguimos conversar e voltar às nossas vidas normais…

Depois dos trotes memoráveis do terceiro ano… Sim! Éramos a turma que mais animava aquela pacata escola! Fazíamos sacrifícios e mais sacrifícios para arranjar roupas e não termos que tirar humildes 3 reais de nossos empobrecidos bolsos, pelo menos foi o que eu fiz em um dos últimos trotes quando os meninos se vestiam de meninas e as meninas de meninos. Eu não tinha levado roupa então me vesti de Keeper (vulgo Pedro), calças largas, camiseta de Slipknot e boné cinza virado para trás… Me vendo no espelho daquela forma tive um rápido devaneio, mas isso não vem ao caso.

Depois da advertência inútil que levei por ter escrito na carteira e voltam a balbuciar aquele rotulo: “Olha, a filha do Venâncio…” Quantas vezes mais irão me lembrar?

Depois de fofocas que rolaram sobre assuntos alheios, verídicos e humilhantes…MUITO humilhantes, fiquei grata por isso, até o momento em que sentei ao lado da vítima no intervalo do cursinho. Ela é legal… mas meu orgulho fala mais alto! lálálá

Depois de eu e a Jack nos corroer de raiva em ver os casaisinhos lindinhos se esfregando no baile de formatura e não poder fazer absolutamente nada. E eu sem ninguém e sem padrinho, mas no final acabei arranjando padrinho e ao mesmo tempo um afilhado…isso foi bom!

Para não deixar um desfecho meio sem nexo… vou dizer meu lado obscuro (além de dançar axé no carnaval e otras cositas más). Tive a audácia de confundir um musgo com uma samambaia… é fogo!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s